O JÚRI


LEONOR DE SOUSA BASTOS

 

Deixou o Curso de Direito, da Universidade Católica do Porto em 2016 e partiu para Palma de Maiorca onde, na Escola de Hoteleria de les Illes Balears, fez o curso de Cozinha e completou uma pós-graduação em Alta Cozinha . No final de 2009, fez um curso de pastelaria na escola Espai Sucre, em Barcelona, sob a orientação de Xano Saguer e Jordi Butrón, tendo passado ainda pelas cozinhas de Rafa Sanchez (Sheraton Arabella, Maiorca, 1 estrela Michelin) e Oriol Balaguer (Barcelona, MMAPE 93). Em 2008, criou o blogue Flagrante Delícia, o primeiro blogue em português dedicado à pastelaria. Em 2010, regressou a Portugal, tendo-se dedicado a consultorias e formação. Em 2014, criou a empresa Utopia, dedicada à produção e venda de sobremesas. É também autora de vários livros de pastelaria e colabora frequentemente com diversas publicações nacionais.


ORLANDO ESTEVES

 

A sua experiência faz dele um guardião da cozinha tradicional portuguesa. Nasceu na região de Coimbra e aí começou o seu percurso dedicado à cozinha. Andou de hotel em hotel com a forte convicção de aprender e conhecer tudo o que há de novo. A viagem obrigatória para quem pretende evoluir levou-o até Inglaterra, onde solidificou os seus conhecimentos em gastronomia e, em particular, em cozinha italiana. Nos anos 80, regressou a Portugal e estabeleceu-se no Hotel Palácio Estoril, onde chefiou a cozinha durante várias décadas. Foi presidente da Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal e é actualmente figura activa na profissão integrando a equipa de júri de vários concursos de cozinha, como o Concurso Chefe Cozinheiro do Ano, no qual recebeu o Troféu de Grande Mérito pelo seu papel junto da classe dos profissionais de cozinha e no concurso Gastronomia com Vinho do Porto.


GONÇALO COSTA

 

Nascido no Porto, tem no currículo uma experiência de mais de 15 anos atrás dos fogões, tendo começado a sua formação no ano de 1997, na Escola Profissional de Ourém. Antes de chegar ao Eleven, onde se estabeleceu por seis anos, passou pelo Hotel Marriott Praia Del Rey e pelo Ritz Four Seasons Lisboa. Mudou-se em 2011 para o Brasil, onde passou pelos restaurantes Chakras, Gusto24H e Skye. Em 2014, em conjunto com a mulher, decide abrir o conceito Chef Food Truck, em São Paulo. É, desde o início de 2017, Chefe de Cozinha no Tágide, em Lisboa. No início de Junho, reabriu também o clássico lisboeta Saraiva's.


MICHELLE COSTA

 

É brasileira mas já criou raízes no Alentejo, mais propriamente em Estremoz. Desde pequena, sentia que a cozinha fazia parte de si, mas na altura de escolher o curso, optou por seguir jornalismo. Já em Portalegre, e com 21 anos, inscreveu-se na Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre. Seguiu-se um estágio no restaurante Feitoria, em Lisboa. Em 2009, abria a Gadanha, ainda só com a vertente de Mercearia. Em 2013, nasceu o restaurante Gadanha Mercearia, onde a cozinha regional com um twist de modernidade é o cartão de visita.


JOSÉ JÚLIO VINTÉM

 

Desde tenra idade sentia apetência para a profissão de cozinheiro. Estudou Agricultura e Engenharia de Produção Florestal e mais tarde Turismo. Em 2001, abriu o icónico Tomba Lobos, em Portalegre. Em 2012, e após ter ganho inúmeras distinções pelo seu trabalho, foi com a família para o Brasil, onde esteve durante um ano. Em 2013, regressou a Portalegre, reabrindo o seu Tomba Lobos. É um apaixonado pela cozinha tradicional portuguesa e junta-se pela primeira vez ao júri do concurso A Mesa dos Portugueses.